Vendas de passagens rodoviárias segue na contramão da crise

Clippings /por

A venda online de passagens de ônibus, feita por plataformas de passagens rodoviárias e sites de empresas do setor, deve movimentar mais de R$ 916 milhões, com 9.7 milhões de tickets vendidos, em 2017. Esses dados são da segunda edição do estudo E-RODOVIÁRIO, desenvolvido pela ClickBus.

“Apesar do momento de instabilidade econômica no país, o mercado rodoviário online foi na contramão e superou a expectativa em 2016, com 7.9 milhões de passagens vendidas e um faturamento de 743 milhões. 2017 será um ano bem positivo para o turismo nacional, especialmente por ter a maior quantidade de feriados prolongados da última década, e o setor online está cada vez mais preparado para atender a essa demanda”, afirma Fernando Prado, co-CEO da ClickBus.

Segundo o estudo E-RODOVIÁRIO 2o semestre de 2016, o mercado rodoviário cresce 54% ao ano e já abrange mais de 130 mil rotas em território nacional, com 112 viações no portfólio. Esse constante crescimento deve-se a dois principais fatores: mais empresas de ônibus estão aderindo ao mercado online e mais consumidores estão conhecendo a compra online no mercado rodoviário. Apesar dos números atraentes, até dezembro de 2016 apenas 5% das pessoas que viajam de ônibus compraram suas passagens online.

A segunda edição do estudo semestral traça ainda as preferências e o comportamento de compra de passageiros rodoviários que adquirem online suas passagens em épocas de baixa e alta sazonalidade em todas as regiões do país. Em 2016, 52% das viagens foram realizadas em rotas mais curtas, um aumento de 5p.p em relação ao primeiro semestre de 2016. Esse aumento deve-se não só à disponibilidade de portfólio, mas também às economias que os brasileiros fazem nas viagens. Viagens mais curtas implicam em passagens mais baratas.

Clique aqui para ter acesso ao estudo completo.

Fonte: Jornal de Turismo