Réveillon de casa cheia no Rio

A hotelaria carioca comemorou a alta taxa de ocupação na capital durante o Réveillon. Na noite da virada, em todas as regiões da cidade os hotéis estiveram lotados ou bem próximos dos 100%. Segundo a Riotur, cerca de 2,8 milhões de pessoas lotaram a praia de Copacabana na virada.

No Flamengo e Botafogo, os hotéis associados consultados às vésperas da virada não tinham disponibilidade. Copacabana, Leme e Centro apresentaram 98%; enquanto Ipanema, Leblon, São Conrado e Barra comemoraram 97% de quartos ocupados.

No fim de semana prolongado, a média ficou acima de 90% na cidade. Em seu quarto ano de queima de fogos coordenada pela hotelaria, a Barra da Tijuca já conquistou o título de segundo maior Réveillon do Rio e está se consolidando como o maior Réveillon indoor da cidade.

Levantamento do SindHotéis Rio, em parceria com a Orla Rio (concessionária responsável pelos quiosques) e a AssenRio (Associação de Entretenimento), mostra que mais de 50 festas aconteceram simultaneamente no bairro, em hotéis, espaços para eventos e, é claro, quiosques.

Em uma ação coordenada pela ABIH-RJ, com apoio da Riotur, houve grande queima de fogos de até 14 minutos em pelo menos 12 pontos do bairro.

A cidade esteve lotada de turistas, e muitos resolveram estender sua estada. O SindHotéis Rio apurou que a média de janeiro deve superar 80% (acima dos 72% registrados do ano passado). Paulistas e mineiros são a maior parcela dos hóspedes nacionais, enquanto os norte-americanos e sul-americanos estão em maioria entre os estrangeiros.

Em diversos municípios fluminenses, segundo pesquisa da ABIH-RJ, a ocupação apresentou média de 93,09%, contra 83,4% em 2017. Cabo Frio, Angra dos Reis e Vassouras estão entre os destinos mais demandados, com meios de hospedagem beirando a lotação completa.

Foto: Riotur

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze + três =