Coronavírus: Emirates suspende voos para Rio de Janeiro e mais 54 destinos

Foto: Reprodução

 

A Emirates suspendeu suas operações para 55 destinos em todo o mundo por conta das restrições e da queda da demanda em meio a pandemia do coronavírus. Entre as rotas afetadas está a que liga Dubai ao Rio de Janeiro. Com isso, a Emirates só manterá suas operações no Brasil com partidas de Guarulhos, em São Paulo. A medida atinge mais de 1/3 da malha aérea da companhia, incluindo destinos como Madri, Barcelona e Cidade do México.

No começo do mês, a Emirates já tinha oferecido aos clientes mais flexibilidade, opções e valor por meio de sua nova política de isenção para todas as passagens emitidas do dia 6 ao 31 de março de 2020, permitindo que os clientes de toda a sua rede mudem datas de viagem sem taxas de alteração e reemissão. Os clientes afetados por cancelamento de voo devem verificar as opções de mudança de reserva ou rota em emirates.com.

Nesta nova leva de voos afetados, estão operações para Adelaide (Austrália), Ilhas Mauricio, Colombo (capital do Sri Lanka), Cairo, Tunes (capital da Tunísia) e Algiers (capital da Argélia). Ainda neste mês, a Emirates já tinha cortado diversos voos para os Estados Unidos dadas as restrições impostas por Donald Trump. Entre rotas a terem seus voos de volta são: Nova York–Milão (retorna 3 de abril); e Dubai–Fort Lauderdale (retorna 31 de março).

 

Fonte: Mercado&Eventos