ABIH-RJ dá receita para 2017: otimismo e trabalho

Faltando um mês para o final do ano, a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Rio de Janeiro (ABIH-RJ) já está com a cabeça em 2017, ano em que, segundo o presidente da entidade, Alfredo Lopes, “é hora de consolidar o Rio como a capital do Turismo na América do Sul”. Ao fazer um balanço do ano, Lopes lembrou que 2016 apresentou inúmeros desafios, como a consolidação da nova oferta hoteleira da cidade. Embora tenha havido os Jogos Olímpicos na cidade, a ocupação média deve fechar em torno de 65%, um pouco abaixo da que foi registrada ano passado.

“Alguns meses como agosto foram excelentes. Durante Olimpíada o turista internacional chegou a ficar até 14 noites na cidade enquanto que a média é de três noites, mas por conta da crise e outros problemas a ocupação não foi tão boa. Prova disso é que faltando um mês para o réveilllon ainda não temos uma programação fechada”, disse Lopes lembrando que a oferta de hotéis cresceu no último ano. O Portal PANROTAS conversou com a Riotur que confirmou que a Prefeitura do Rio ainda não tem todos os patrocinadores fechados para a festa de final de ano.

Para 2017, Alfredo Lopes aposta na liberação dos Jogos e dos vistos de entrada para que o Turismo volte a viver dias de glória. “É hora de manter o otimismo, mas não é hora de descansar”, afirmou dando como receita a busca por mais eventos, além de uma promoção mais direta e ativa a mercados chaves.

Fonte: Panrotas