O grupo Hilton escolheu o Rio de Janeiro para ampliar as suas operações no Brasil e para isso a rede passou a administrar o antigo Windsor Copacabana, que iniciou nesta segunda-feira (02) as suas operações com diárias promocionais de R$ 600 e pacotes com a quarta diária grátis. A unidade marca o 100º hotel da Hilton na América Latina. Já na inauguração, a taxa média de ocupação alcançou a marca dos 60%. O projeto faz parte do programa de ampliações da rede que prevê abrir 70 hotéis na América Latina até 2021.

Um café da manhã para jornalistas com diretores do grupo foi realizado nesta quarta-feira (02). De acordo com Jose Juan González, vice-presidente de Operações da Hilton para a America do Sul , o grupo passa a contar com quase 900 apartamentos nas duas unidades do Rio de Janeiro. “Acreditamos neste mercado para os próximos anos e nem mesmo o fato da cidade enfrentar um mau momento com a escalada da violência nos desanima pois a cidade tem um grande potencial com novos equipamentos para eventos e a melhoria na mobilidade urbana fruto dos investimentos com a Olimpíada”.

Para a gerência geral foi chamada a executiva, Laura Castagnini, que veio do Hilton Barra e está no grupo há 17 anos.Ela destacou os planos do grupo nesta primeira etapa. “Queremos adaptar o hotel as necessidades do mercado, com o DNA da marca Hilton e para isso vamos investir em tecnologia e algumas melhorias nos espaços sociais, incluindo os restaurantes. Também contamos com um grupo de 500 colaboradores que iniciou essa semana o treinamento de pessoal”. A diretoria de Operações ficará a cargo de Ricardo Kawa, que estava como gerente geral do Windsor Atlântica e foi convidado a trabalhar na rede Hilton.

O vice-presidente de Operações Senior para América Latina, Tom Potter confirmou negociações para novas unidades no Brasil. “Estamos estudando oportunidades e vamos investir neste mercado porque acreditamos no seu potencial”, adiantou. Veja fotos do evento com os diretores do grupo no encontro com os jornalistas

GALERIA

Fonte: Mercado e eventos